Suicídio: quando o corpo desiste da alma

P1: “Oi Saulo! Tudo bem? To com uma questão aqui na minha cabeça. Na verdade nem é uma pergunta, mas um pensamento, uma reflexão que nunca se conclui.

Essa madrugada, de ontem pra hoje, uma amiga de uns amigos meus cometeu suicídio.

Fico pensando como uma pessoa chega a esse ponto, o que acontece com essa alma depois que desencarna e ainda sinto medo de que isso possa vir a acontecer comigo, porque ando numa tristeza profunda.

Será que existe alguma maneira detectar isso no outro, na gente mesmo?

Eu quero viver plena novamente. Acho que preciso de um trabalho mais profundo comigo mesma. Acho que preciso de ajuda, mas não tenho sabido muito receber essa ajuda.

Tenho vontade de fugir, de jogar tudo pro alto, de me mudar pra roça, trabalhar no campo e me desconectar 100% desse mundo. Mas essa é a solução? Me ajuda?”

Saulo:

“O que acontece 🌟

Bem, o que acontece com essa alma é algo bem sério, pois existe uma desconexão real do propósito divino e a escolha de “fugir” dessa realidade, acreditando na ilusão de que “irá acabar com tudo.”

Recebendo essas almas 🌟

Há algum tempo atrás fiz parte de um trabalho espiritual, em missão astral junto a outros irmãos Estelares, para receber as almas suicidas e é bem difícil amparar o desespero dessas almas. Porém, mais difícil ainda será amparar por si próprio a escuridão da desfragmentação das próprias partículas.

O julgamento 🌟

O julgamento acontece pela “consciência” humana, somente. O Pai não ‘julga’ essa alma da forma como se acredita nesta matriz em que vive hoje. O que existe é a pressão ilusória do auto-julgamento, porém o que é bastante claro a nós, é que esse auto-sofrimento já acontece muito antes do ato do suicídio, machucando bastante todos os corpos sutis e etéricos.

Nós recebemos a todos com muito amparo e muito amor, sempre. Existe um mantra em latim entoado para preparar a alma em desespero nesse momento. Mesmo em seu “livre arbítrio” (entre aspas) nos já sabemos quem vai cometer tal ato e quem não vai.

Não apenas o próprio ato de retirar a vida é o suicídio 🌟

Não se amar, se deixar em segundo plano, se punir e desejar não estar aqui são espécies de delimitar sua existência. Vícios e afins são considerados suicídios ‘em parcelas’. Até que a presença da vida e o amor por ela não azeitar essa balança, existirá esse ‘desajuste’.

O que É a tristeza profunda 🌟

Normalmente o fenômeno está ligado à falta de propósito. Estar ligado demais à matriz energética da 3, 4 e 5 dimensão, se identificando demais ao corpo e as mazelas dessa vida traz muito esse sofrimento, pois nada depende efetivamente de ti, mas do dinheiro, pessoas e fatores externos.

O sofrer vem com essa identificação demasiada, trazendo a tristeza profunda. Nessa etapa é fundamental *poder*, *força de vontade* e *fé* para realizar a virada de chave da mudança profunda em sua vida. Sim, é preciso caminhar com as próprias pernas! Ninguém pode fazer isso por você. Todos os demais serão apenas experiências com gozo passageiro.

Existe maneira de detectar isso 🌟

Sim. O próprio fato de ter essa consciência de que necessita de ajuda já é o primeiro passo. A natureza lhe chama a estar presente junto dela, para lembrar-lhe de que É a própria natureza da vida próspera e abundante sempre. Não se precisa “abandonar tudo é ir pra roça” física, mas sim a espiritual – compreende?

O que realizamos 🌟

Muitas pessoas ainda não compreendem o que realizamos como sangha, mas esse é um lindo exemplo: isso É um verdadeiro DESPERTAR. Estamos em amor para servi-la sempre.”

Paz, vida e amor a todos!

Você nunca está sozinho.

Saulo

Retiro em Búzios de 30/08 a 01/09 de 2019 aqui.

2 comentários em “Suicídio: quando o corpo desiste da alma

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s